Sábado, 24 de Junho de 2006

O crime do Padre Amaro...

Um padre novo e bonito chega à paróquia, em substituição do velho cura que se aposentou. No primeiro dia de trabalho recebe uma paroquiana que quer confessar-se. Na penumbra do confessionário:
- Padre, perdoe-me porque pequei .sussurra uma voz feminina.
- Diz-me então minha filha, quais são os teus pecados?
- Padre, o demónio da tentação apoderou-se de mim , pobre pecadora!
- Como é que isso sucede filha. Explica lá.
- É que quando falo com um homem, tenho sensações no meu corpo que nem sei sequer como descrevê-las.
- Minha filha, eu também sou homem!
- Sim, padre, foi por isso mesmo que eu vim confessar-me a si.
- Bem minha filha, e como são essas sensações?
- Padre, eu não sei bem como explicar... por exemplo, neste momento o meu corpo revolta-se por eu estar ajoelhada e eu preciso de estar mais à vontade.
- A sério?
- Sim padre. Quero relaxar e ficar estendida.
- Minha filha, estendida como?
- De costas padre. Deitada de costas no chão até que me passe esta tensão.
- E que mais minha filha?
- Padre, é como se eu tivesse um sofrimento para o qual não encontro conforto.
- E que mais minha filha?
- Padre, sinto a necessidade de receber um pouco de calor que me alivie este sofrimento.
- Calor?
- Sim padre. Calor humano que alivie o meu padecer.
- E diz-me minha filha. Essa sensação que sentes e que te atormenta, sente-la com frequência?
- Sim padre. E constante. E permanentemente. Por exemplo neste momento eu imagino que suas mãos estão pousando sobre a minha pele e só de pensar nisso até já me sinto um pouco mais aliviada.
- Minha filha...
- Sim padre. Perdoe-me mas tenho urgência que alguém forte me pegue nos seus braços, me acaricie suavemente e me dê o alivio que preciso.
- Por exemplo, eu?...minha filha!
- Sim padre. Você é o tipo de homem que eu imagino me possa aliviar todo este sofrimento.
- Perdoa minha filha, mas preciso de saber... qual é a tua idade?
- Setenta e quatro, padre.
- Minha filha, vais rezar 3 Padres Nossos, 6 Ave-Marias e vai em Paz e que Deus te proteja. O teu caso é reumatismo..
vai em Paz e que Deus te proteja. O teu caso é reumatismo..

publicado por maria papoila às 21:30
link do post | comentar | favorito
|

.Quem participa....

.participar

. participe no Sal & Pimenta

.pesquisar

 

.Fevereiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28


.Pimentas recentes

. 10 duvidas sobre a cervej...

. Já voltou para casa

. À procura da Marlise

. HOMEM EDUCADO

. Socráticam

. Novo café...

. Velhice

. Xadrez

. Novas tecnologias

. Segurança reforçada

.sal arquivada

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Agosto 2008

. Maio 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

.Selo do Blog

(¯`° Sal & pimenta °´¯)


praia

.links

.Mural e som





.Andam por aqui

online


Adao e Eva

.Passaram por aqui


.tags

. curtas

. gato fedorento

. joãozinho

. lingerie

. natal

. religiões

. zezinho

. todas as tags

.Creditos e outros

Estou no Blog.com.pt


Pedofilia é crime





referer referrer referers referrers http_referer



blogs SAPO

.subscrever feeds